Medicina Natural Remedios Naturais Contatos
Medicina Natural Remédios Naturais Sobre Nós Contatos Termos SiteMap RSS
Sistema Digestivo Candidiase Stress & Dormir Micose Unha Perder Peso Acne Alergia & Asma Herpes Dores Cronicas Hemorroidas Outras
Clique para ver todos

Herpes – Contágio do Herpes Oral

Pode o herpes oral, ou labial, ser transmitido da boca aos genitais?

Este vírus, HSV1, é o mais comum de todos, afetando mais de 80% das pessoas com mais de 50 anos e, quando introduzido no organismo ele permanece para sempre. É um vírus que pode ficar dormente, alojado no sistema nervoso, por longos períodos, e que de repente ele aparece sob a forma de borbulhas e erupções de vários tipos. Estas chagas são muito contagiantes podem alastrar a diversas partes do corpo e contagiar outras pessoas.
 
Herpes Labial   Quando o vírus está ativo, sob a forma de chagas ou borbulhas, é muito contagiante para as outras pessoas, que podem ser infetadas pelo simples toque. Por isso mesmo se for efetuado sexo oral quando o vírus está ativo o vírus pode passar facilmente para a área a que teve contato.

Isso aplica-se a todos os tipos de herpes, no entanto a transmissão do vírus do herpes oral é muito mais fácil ser transmitido da boca para os genitais do que o vírus do herpes genital ser transmitido para a boca.
 
Resumindo, se uma pessoa infetada pelo vírus HSV1, o responsável pelo herpes oral, praticar sexo oral a uma pessoa não infetada quando o vírus está ativo pode facilmente passa-lo à outra pessoa (principalmente do homem para a mulher), assim como os infetados pelo vírus HSV2, o responsável pelo herpes genital, pode ser passado para a boca, embora a probabilidade aqui seja menor porque a boca tem menos sítios (mucosas) onde o vírus se ‘agarrar’.

O tempo médio de uma erupção de herpes é de cerca de duas semanas, começando por uma sensação de comichão ou ardor, passando para um vermelhão na zona infetada causada pelos anticorpos do nosso sistema imunológico a atacar o vírus e acabando por resultar em borbulhas muito incomodativas. Borbulhas essas que ao rebentarem causam feridas muito feias e dolorosas.
 
Em todas estas fases, principalmente na fase das borbulhas, mesmo quando ainda estão fechadas, o vírus é sempre contagioso.

Mesmo após a primeira fase já ter acabado, quando as borbulhas já secaram e resta apenas uma vermelhão, resultante dos nossos anticorpos ainda a lutarem contra o vírus, continua a ser contagioso. Só mesmo quando todos os sintomas desaparecem o vírus se torna menos contagiante para as outras pessoas.
  Erupção herpes
 
Como a maioria das pessoas acaba por ter contato com este vírus na sua vida e a maioria é infetada, muitos ainda antes de serem adultos, é muito difícil controlar este vírus.

Normalmente após o contagio e um período de incubação que varia muito de pessoa para pessoa, aparecem os primeiros sintomas do herpes sob a forma de borbulhas, irritação e comichão, que vão e vêm ao logo de toda a vida.
Contagio herpes   No entanto, a medida que o tempo passa as erupções têm tendência em diminuírem em tempo e severidade, e algumas pessoas não têm mais que duas ou três erupções por ano, a menos que o seu sistema imunológico seja enfraquecido por outra doença, por antibióticos ou outros tratamentos.

Durante o resto do tempo o vírus permanece dormente no organismo, por norma não apresentando qualquer sintoma exterior da infecção. Apenas à espera de uma nova oportunidade para atacar.
A boa noticia é que quando o vírus está no seu estado dormente a probabilidade de infetar outra pessoa, por sexo oral ou qualquer outro tipo de contato, é diminuta!
 
 
Pin it  
 
 
Outros Artigos Relacionados com Herpes
 
 
Herpes Genital – Alguns Mitos
 
Herpes – Como Controlar Herpes
 
Remédios Caseiros para Herpes
 
 
Nossas Sugestões
Herpeset - Remedio para herpes
Hespeset
 
Graviola
Graviola
 
Medicina Natural Loja
 
Newsletter
Nome:
Email:
200+100
 
Contate-nos
Duvidas   Envie-nos o seu comentário ou a sua duvida por esta pagina:
Formulário Contatos
 
Siga-nos
Google+ Facebook Pedro Pinto 
 
Tratamento Recomendado
 
Herpeset - Remedio para herpes
Hespeset
 
 
Tratamentos Naturais para Herpes
 
 
Herpeset - Remedio para herpes  
Hespeset
Herpeset é a solução para eliminar os sintomas e prevenir o aparecimento de novas erupções, devido ao fato de poder ser administrado durante longos períodos para garantir que o vírus não causa novas erupções.
     
Graviola  
Graviola
Graviola / Soursop é bem conhecido por combater o câncer, diabetes, bactérias, vírus e pelas suas propriedades anti-inflamatórias. Já é usada na medicina tradicional à muito tempo.
 
 
 
 
Pin it  
 
    As informações contidas neste site é têm por objetivo apenas fins educacionais. Não pretende ser um substituto para aconselhamento ou cuidados médicos. Você não deve usar essas informações para diagnosticar ou tratar qualquer problema de saúde ou doença sem consultar o seu médico. As declarações feitas por Medicina Natural não foram avaliadas pela  FDA (EUA), ANVISA (Brasil) ou INFARMED (Portugal) porque estas entidades não avaliam ou testam extratos vegetais. Consulte o seu médico para obter diagnósticos ou tratamentos medicinais. Medicina Natural recomenda os melhores produtos no mercado, mas não é o fabricante de nenhum dos produtos que recomenda.    
remedios naturais
Medicina Natural Remédios Naturais Sobre Nós Contatos Termos SiteMap RSS
Limpeza Intestinal Candidiase Stress & Dormir Micose Unha Perder Peso Acne Alergia & Asma Herpes Dores Cronicas Hemorroidas Outras
 
     
 

Websites Medicina Natural em Português: » Medicina Natural Homem » Medicina Natural Mulher » Medicina Natural Geral » Medicina Natural Perder Peso

Webmarter: Pedro Pinto

Medicina Natural . Copyright © Todos os direitos reservados.